Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Canduras

A sensibilidade melancólica de um sorriso simples. Um mundo cheio de nadas e nadas cheios de mundo que preenchem paredes cheias de sonhos.

Canduras

A sensibilidade melancólica de um sorriso simples. Um mundo cheio de nadas e nadas cheios de mundo que preenchem paredes cheias de sonhos.

Dia do Pai É Todos os Dias

por Ana Luisa, em 19.03.14

Não me quero alongar muito, até porque é difícil.

O meu pai não era o melhor pai do mundo. É verdade! Não era mesmo! Estava ausente, nunca me foi buscar à escola, nunca me deu um raspanete, nunca me chamou à atenção por algo que tenha feito mal ou me desejou boa sorte naquele teste mais complicado. Quando comecei a minha licenciatura, só me perguntou onde tinha entrado e no quê meses depois, quando o fui visitar.

Mas não, o meu pai não é uma besta! O meu pai foi das melhores pessoas que já conheci, na verdade. Tem falhas, tem defeitos, tem virtudes, é das pessoas que mais amou na vida, das que mais aproveitou, e das que mais sofreu. É um ser humano banal que nunca esteve muito presente, e que me deixou sozinha demasiado cedo.

Ainda é complicado recordar tudo e a cada dia sinto mais saudades dele. Principalmente de saber no meu interior que nunca mais verei a sua cara. Por vezes admito que o meu subconsciente o tenta ver em todos os cinquentões que passam por mim na rua, mas nunca são ele.

Hoje somente tenho 2 irmãos lindos e memórias vagas mas felizes de coisas que ficaram ditas e feitas, sem nada a arrepender.

Por isso dêm um beijinho aos vossos pais por mim, e sejam muito felizes. <3

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo